INSTITUCIONAL

Sobre o programa

Criado no ano de 1999, com suas atividades iniciadas no ano de 2000, o Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – PPGe/UFRN, vem estabelecendo um novo paradigma na formação qualificada de pessoal no Estado do Rio Grande do Norte, sendo um marco nas atividades acadêmicas de ensino e de pesquisa na Área de Geografia da região.

A história do programa – aliada à massa crítica dos professores formados localmente, bem como ao princípio de ajuste no atendimento das demandas da Região Nordeste no que toca a qualificação em nível de pós-graduação -, justificou a ampliação do Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia da UFRN para o nível de Doutorado. Assim, a proposta do curso de doutorado foi submetida à CAPES, e o curso de doutorado da UFRN foi aprovado em 2012, pelo Conselho Técnico-Científico da Educação Superior na 140ª reunião, realizada nos dias 22 a 26 de outubro de 2012.

Para a aprovação do curso de doutorado, foi realizada em 2008 uma reestruturação do PPGe, com o objetivo de tornar o Programa mais coerente com os parâmetros e propósitos da pós-graduação em nível nacional, mas também com a realidade acadêmica e científica articulada à ciência Geográfica no contexto local/regional.

A reestruturação se fundou, principalmente, na coerência entre a Área de Concentração, as Linhas de Pesquisa, os projetos desenvolvidos pelos docentes (financiados pela própria Universidade Federal do Rio Grande do Norte ou com financiamentos externos), as orientações e publicações dos discentes e docentes. Com a reestruturação do Programa, a criação e estruturação de disciplinas tiveram como orientação dois fatores: a promoção da transversalidade do conhecimento entre as linhas de pesquisa; e a discussão de temáticas específicas.

Atualmente, o Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia da UFRN tem como Área de Concentração “Dinâmica Socioambiental e Reestruturação do Território”, e desde sua implantação tem impulsionado a formação de conhecimento acadêmico sobre a temática através de um processo de expansão e fortalecimento das ações de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas em suas três Linhas de PesquisaTerritório, Estado e Planejamento“, “Dinâmica urbana e Regional” e “Dinâmica Geoambiental, Riscos e Ordenamento do Território“.

O Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia possui Cursos de Mestrado e de Doutorado, que tem como objetivo formar mestres e doutores em Geografia, qualificando-os para o trabalho científico. Nesse intuito, provê aos seus mestrandos e doutorandos uma formação sólida e continuada, capacitando-os a se posicionarem e intervirem em contextos espaciais diversos de maneira eficaz, tornando-os aptos para responder aos desafios enfrentados pela área da Geografia e pela sociedade na atualidade, qualificando-os ainda para a vida acadêmica.

O Programa visa, portanto, uma formação voltada para a análise dos problemas territoriais e socioambientais enfrentados pelo país, de forma geral, e em particular pela região nordeste, em face da sua heterogeneidade socioespacial. Tendo em vista a importância dos conhecimentos relativos à nova ordem mundial, ensejada pela globalização contemporânea e o processo de formação territorial brasileiro recente, o Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia da UFRN, em resposta a esse movimento mundial, tem também como objetivo proporcionar o aprofundamento dos conhecimentos geográficos sobre a dinâmica e a reestruturação do território, sobretudo no momento presente, em que o sistema técnico-científico-informacional é o suporte de aceleradas transformações, com a expansão e consolidação do modo de produção vigente, e revelador das desigualdades socioespaciais e dos problemas ambientais.

Especificamente, o programa tem por objetivos: produzir conhecimentos de caráter teórico e empírico sobre as dinâmicas territoriais e socioambientais, que propiciem aos geógrafos base de conhecimento a ser utilizada na fundamentação de ações relativas aos interesses do país e da sociedade em geral; incentivar a produção de trabalhos científicos, dissertações e teses, que reflitam criticamente sobre a realidade internacional, nacional, regional e, mais especificamente, do Estado do Rio Grande do Norte; e formar geógrafos comprometidos com o aprofundamento e a atualização da epistemologia e metodologia da Geografia.

Contando com um Corpo Docente coeso e um Corpo Discente cada vez mais engajado, os Projetos de Pesquisa e Extensão do Programa, assim como as Produções Acadêmicas desenvolvidas em seu âmbito, incluídas as Dissertações e Teses, tem possibilitado uma maior aproximação entre o conhecimento acadêmico e a sociedade, possibilitando o enfrentamento dos desafios existentes para a Área da Geografia na atualidade.

 

Área de Concentração

Dinâmica Socioambiental e Reestruturação do Território.

As dinâmicas territoriais revelam as geografias que vão sendo produzidas na contemporaneidade, quais sejam, as paisagens, a organização do espaço, a formação de regiões e a dinâmica dos lugares, representadas pela dinâmica de formação das cidades e da urbanização do território. Dadas as características deste período histórico já denominado de “técnico, científico e informacional” que nos permitem conjecturar sobre o futuro, o planejamento, as discussões sobre a relação técnica e território, bem como as dinâmicas urbanas, regionais e ambientais se constituem neste programa em três linhas de pesquisas em torno das quais o mestrado e o doutorado se organizam.

Linhas de Pesquisa

 

Território, Estado e Planejamento – Linha de Pesquisa I

As características do mundo atual enunciadas pelo significado do processo de globalização implicam, do ponto de vista geográfico, no conhecimento de duas categorias centrais de análise: o espaço geográfico e o tempo social. A primeira exige o conhecimento teórico do território, proposto na geografia nova como sendo o território usado, compreendido como categoria de análise social e o território como recurso, sinônimo de território das empresas; a segunda envolvendo a compreensão da aceleração do tempo que caracteriza a dinâmica das relações socioespaciais dada pelo funcionamento dos sistemas técnicos, científicos e informacionais. Nessa perspectiva, o fenômeno político se materializa territorialmente na forma de estruturas físicas e através do poder normativo. O território e o planejamento se constituem em elementos centrais para o conhecimento da sociedade e a construção do seu futuro, fundado nos elementos oferecidos para a construção de um pacto socioespacial.

Dinâmica Urbana e Regional – Linha de Pesquisa II

Essa linha está focada em abordagens teóricas, estudos e pesquisas relacionadas ao sistema urbano e regional, suas transformações no que concerne a urbanização e dinâmicas espaciais, a discussão da habitação e o espaço construído, os circuitos espaciais de produção, com ênfase para os serviços, a indústria e a agricultura. A análise da dinâmica urbana e regional estará assentada na perspectiva da produção do espaço e da morfologia urbana. Os processos sociais de produção do espaço urbano e regional e, principalmente, dos espaços metropolitanos, são destacados como objetos de reflexão, bem como os processos culturais, cujas características e transformações engendram práticas, memória, significado e identidade, que influenciam na produção desses espaços. Também são consideradas importantes na análise da proposta as temáticas transversais incorporadas às questões inerentes à produção do espaço urbano e regional valorizando-as e destacando-as em estudos efetuados nas mais diversas escalas.

Dinâmica Geoambiental, Riscos e Ordenamento do Território – Linha de Pesquisa III

A linha é voltada para a análise e planejamento do território a partir da compreensão de seus componentes físicos e naturais. Além dos estudos acerca da evolução dos processos atuais e pretéritos e da busca por modelos estruturais e dinâmicos do geoambiente, as pesquisas estão voltadas para a proposição de relações sustentáveis entre a sociedade e o meio ambiente, bem como a compreensão dos seus riscos e vulnerabilidades. A partir de uma abordagem sistêmica e integrada, a linha é orientada para os temas: as dinâmicas das relações solo-relevo nos trópicos úmidos e no semiárido, na caracterização e monitoramento do ambiente quaternário costeiro, na epistemologia da Geografia Física, na análise do ambiente biogeográfico e na evolução climática local e regional. No que se refere aos estudos aplicados em geografia física, concentra-se na análise e modelagem de riscos, fragilidades e vulnerabilidades ambientais, voltados ao ordenamento do território, com o auxílio das geotecnologias.

 

Cursos

 

Mestrado Acadêmico

23001011028M7
Reconhecido pela CAPES/MEC após Homologação do Parecer CNE/CES 102/2011 (Resultado da Avaliação Trienal 2010-2012) através da Portaria MEC nº 1.077, de 31 de agosto de 2012.
Carga Horária exigida para Titulação: 360 horas
Situação : EM FUNCIONAMENTO

 

Doutorado Acadêmico

23001011028D8
Reconhecido pela CAPES/MEC após Homologação do Parecer CNE/CES 45/2013 (140ª Reunião do CTC-ES) através da Portaria MEC nº 821, de 3 de setembro de 2013.
Carga Horária exigida para Titulação: 480 horas
Situação : EM FUNCIONAMENTO

Corpo Docente

 

Professores Permanentes
Nome E-mail Lattes Página
Ademir Araújo da Costa ojuarademir@gmail.com
Adriano Lima Troleis adrianotroleis@gmail.com
Aldo Aloísio Dantas da Silva aldodantasufrn@gmail.com
Alessandro Dozena sandozena@gmail.com
Anelino Francisco da Silva aikosnelus@ufrnet.br
Celso Donizete Locatel celso.locatel@gmail.com
Diógenes Félix da Silva Costa diogenesgeo@gmail.com
Edu Silvestre de Albuquerque edusilvestre@ufrnet.br
Eugênia Maria Dantas eugeniadantas@yahoo.com.br
Francisco Fransualdo de Azevedo ffazevedo@gmail.com
Ione Rodrigues Diniz Morais ionerdm@yahoo.com.br
Luiz Antônio Cestaro lacestaro@cchla.ufrn.br
Lutiane Queiroz de Almeida lutianealmeida@hotmail.com
Marco Túlio Mendonça Diniz tuliogeografia@gmail.com
Maria Aparecida Pontes da Fonseca mpontesfonseca@gmail.com
Maria Helena Braga e Vaz da Costa mhcosta.ufrn@gmail.com
Raimundo Nonato Júnior nonatorjr@gmail.com
Rita de Cássia da Conceição Gomes ricassiacg@gmail.com
Zuleide Maria Carvalho Lima zmclima@hotmail.com
Venerando Eustáquio Amaro venerando.amaro@gmail.com

 

 

Professores Colaboradores
Nome E-mail Instituição de Origem Lattes Página
Diego Salomão Cândido de Oliveira Salvador diegosalomao84@hotmail.com DGC/CERES/UFRN
Edna Maria Furtado ed.furtado@hotmail.com DGE/CCHLA/UFRN
Ermínio Fernandes erminio.fernandes@gmail.com UFSCar
Hervé Théry hthery@aol.com Centre National de la Recherche Scientifique / FFLCH-USP (Visitante)
Juliana Felipe Farias julianafelipefarias@yahoo.com.br DGE/CCHLA/UFRN
Rodrigo de Freitas Amorim rodrigofba@yahoo.com.br DGE/CCHLA/UFRN

 

Infraestrutura

 

O Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia possui suas instalações integradas ao Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes e ao Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Neste prédio encontram-se instaladas as Unidades Administrativas do Programa, Salas dos Docentes, Laboratórios de Ensino/Pesquisa, Salas de Grupos de Pesquisa e Sala de Estudos dos Discentes.

 

A Secretaria, a Unidade de Assessoria Técnico-acadêmica e Gestão de Projetos e a Coordenação do Programa, responsáveis pela organização administrativa do mesmo, localizam-se em uma sala com ambientação distinta e climatizada, nos quais existem ao todo quatro estações de trabalho e um ambiente para reuniões.

O Programa, em razão das suas atividades de pesquisa e ensino voltadas a formação de recursos humanos, utiliza ,de maneira compartilhada com os Curso de Graduação (Licenciatura, Licenciatura à distância e Bacharelado) e com o Programa de Mestrado Profissional em Geografia (GEOPROF-CERES/CCHLA), os Laboratórios de Ensino/Pesquisa existentes no Departamento de Geografia.

São ao todo quatro Laboratórios de Ensino registrados e em pleno funcionamento:

  1. Laboratório de Cartografia;
  2. Laboratório de Ensino de Geografia;
  3. Laboratório de Geografia Física/Ensino;
  4. Laboratório de Geoprocessamento e Cartografia Digital.

 

O Laboratório de Cartografia é equipado com mesas de trabalho adaptadas para os estudos cartográficos em diversas dimensões, havendo também uma gama de Mapas e representações para consulta dos discentes.

O Laboratório de Ensino de Geografia trata-se de uma sala de aula de fácil adaptação para as diversas metodologias aplicadas no Ensino de Geografia, sendo utilizada como meio de capacitação discente para as atividades docentes, sendo utilizado de modo integrado com o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID.

O Laboratório de Geografia Física/Ensino é utilizado para estudos aplicados da área de geografia física, sendo comumente empregado em pesquisas sobre o solo.

O Laboratório de Geoprocessamento e Cartografia Digital é um ambiente equipado de 24 (vinte e quatro) estações de trabalho com computadores de média configuração para possibilitar o ensino e a utilização de ferramentas digitais de Geoprocessamento e Cartografia, contando também com uma estação de trabalho docente vinculada a equipamento de projeção digital. Este laboratório possui seu uso integrado por todos os níveis de formação, da Graduação ao Doutorado, bem como é espaço dedicado a cursos de Geoprocessamento e Cartografia Digital.

 

O Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia conta também com Laboratórios de Pesquisa, que seriam:

  1. Laboratório de Geografia Física/Pesquisa;
  2. Laboratório de Estudos Rurais, Tecnologia Social e Inovação – LABAGRARIUS.

 

O Laboratório de Geografia Física/Pesquisa é estruturalmente ligado ao Laboratório de Geografia Física/Ensino através de acesso interno e trata-se de um ambiente amplo com estações de trabalho e espaço para reuniões, apresentações de trabalho e, principalmente, para a realização de estudos aplicados de geografia física. Neste ambiente estão alocados os Grupos de Pesquisa em Geografia Física em atividade no Programa.

O Laboratório de Estudos Rurais, Tecnologia Social e Inovação é um laboratório dedicado para estudos de Geografia Rural e sua interface com a tecnologia social e inovação aplicadas , sendo a base de diversos projetos de pesquisa e extensão que atuam no âmbito de todo o Estado do Rio Grande do Norte.

 

Há ainda estrutura de salas dedicadas à Base/Grupos de Pesquisa, específicos, instalados no CNPq, coordenados pelos professores do PPGe, quais sejam:

  1. a) Grupo de pesquisa em estudos urbanos e regionais;
  2. b) Territorium: planejamento territorial e geografia política;
  3. c) Unidade Interdisciplinar de Estudos sobre Habitação e o espaço construído.

 

Além desta infraestrutura, o Programa utiliza-se ainda da Estação Climatológica vinculada ao Departamento de Geografia que além da captação de dados, possibilita a sua utilização como laboratório de ensino na área de climatologia.

 

O Auditório do Departamento de Geografia da UFRN, com espaço destinado a 50 pessoas, tem seu uso compartilhado com o Programa de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia, sendo o espaço prioritário de acontecimento de eventos de pequeno porte, palestras e Bancas de Defesa de Dissertações e Teses.